Envie agora sua mensagem para o locutor!

200
caracter(es) restante(s)

Previsão do tempo!

Agora o tempo está Nublado com 17 ºC.

Envie agora seu recado ao nosso mural!

200
caracter(es) restante(s)

Notícias: Geral

Santo Ângelo terá mais de R$ 3 milhões para recuperação asfáltica
17h45, 12/03/2019
O município vai receber R$ 3.180.000,00 da CORSAN para a recuperação asfáltica de mais de 40 quadras da área urbana afetadas pelas obras de modernização realizadas pela companhia ao longos dos últimos anos e que, segundo parecer técnico, não receberam a manutenção adequada. O termo para a liberação dos recursos foi assinado na tarde desta terça-feira, 12, em Porto Alegre, entre o prefeito Jacques Barbosa e o presidente da CORSAN, Jorge Luís Costa Mello, na presença do deputado estadual Eduardo Loureiro, do superintendente da companhia em Santo Ângelo, João Corim, e do vereador Pedro Waszkiewicz.

O valor integra um montante de mais de R$ 14 milhões garantidos pelo município junto à CORSAN referente à renovação da concessão dos serviços de abastecimento de água e tratamento de esgoto em Santo Ângelo e é fruto da articulação do prefeito Jacques Barbosa, com o apoio do deputado Loureiro e de vereadores da base do Governo Municipal, para garantir a prestação de serviços de qualidade à população. Além dos mais de R$ 3 milhões para a pavimentação, o município ainda terá R$ 11 milhões para investimentos em obras de drenagem pluvial e saneamento básico.

O prefeito Jacques informou que, conforme projeto do município apresentado junto à CORSAN, deverão ser recuperados trechos nas ruas e avenidas da cidade: Marechal Deodoro, Barão de Santo Ângelo, Marechal Floriano, Venâncio Aires, Antônio Manoel, Rua dos Andradas, Avenida Brasil, Sagrada Família, Duque de Caxias, São João, General Ernesto Dornelles, Bento Gonçalves, Marquês do Tamandaré, Marquês do Herval, Sete de Setembro, Antunes Ribas, Três de Outubro, Avenida Ipiranga e Gaspar Martins.

Na próxima semana, o prefeito deve se reunir com engenheiros do Setor de Projetos e avaliar quais os trechos serão licitados e os que serão executados pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos. A estimativa é de que 40% das obras sejam licitadas. 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura de Santo Ângelo